Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura e política.

PUBLICIDADE

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Governador Waldez escala coronel da PM para comandar pasta da saúde do Amapá

A experiência administrativa acumulada em mais 30 anos de serviço público foi o principal critério de escolha do novo secretário de Estado da Saúde, Gastão Calandrini. Ele foi empossado pelo governador Waldez Góes na tarde desta terça-feira, 3, durante solenidade no Palácio do Setentrião, sede do governo amapaense.
Na mesma cerimônia o governador também trocou o comando da Polícia Militar (PM), que agora será comandada pelo coronel Rodolfo Pereira, que assumiu o posto do coronel Carlos Souza.
Durante a posse, o chefe do executivo estadual afirmou que a busca por melhorias na rede pública de saúde será a principal prioridade deste ano para o governo. O governador disse que os primeiros desafios de Calandrini serão concluir as obras e entregar à população, até o final do primeiro semestre, quatro novas unidades de saúde: a Maternidade da Zona Norte da capital, as Unidades de Pronto Atendimento (UPA’s) da Zona Sul de Macapá e do município de Laranjal do Jari, e a Unidade de Nefrologia do município de Santana.
Para isso, o novo gestor, afirmou o governador, terá que equipar a rede estadual e otimizar os recursos humanos. Góes garantiu que apesar da escolha ter sido de caráter técnico – pois o novo secretário é administrador por formação – a experiência de Calandrini como gestor público também pesou na decisão.
O governador ressaltou, ainda, que o novo secretário já esteve à frente de dois importantes órgãos: a Polícia Militar e a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp). “O Calandrini tem extrema facilidade de comunicação e bom relacionamento com as equipes que comanda. Ele sabe mediar divergências e isto é crucial para uma boa administração. Na Sesa já existem bons profissionais de saúde. Precisamos de uma gestão que consiga concretizar os processos licitatórios e tenha um forte controle. Nestes aspectos, o Calandrini é muito experiente”, analisou o Governador.
Ele também ressaltou a reorganização administrativa da Saúde feita pela antecessora de Calandrini, a ex-secretária Renilda Costa, que, após 16 meses à frente da Sesa, passará a integrar a equipe do Gabinete Civil, como secretária-adjunta.
Calandrini disse que há alguns dias começou a construir um diagnóstico técnico sobre a Sesa, com o intuito de estabelecer metas a curto, médio e longo prazo. Ele avisou que precisará fazer modificações na equipe, principalmente em funções estratégicas. “Esse diagnóstico já nos apontou gargalos conhecidos da população”. A gestão que juntamente com a minha equipe pretendo estabelecer é de fazer parcerias para a melhoria as saúde no Estado, não só com as prefeituras, mas também com o Tribunal de Justiça, Ministérios Públicos, os servidores, dialogar com fornecedores para que os serviços mais emergenciais não sejam prejudicados. Vamos precisar de todos para ter êxito nesta missão”.
Perfil
Gastão Valente Calandrini de Azevêdo é natural de Belém (PA), tem 52 anos de idade, é casado. É bacharel em Administração Geral pela Faculdade de Macapá (Fama), possui o Curso de Altos Estudos e Planejamento Estratégico, pela Escola Superior de Guerra do Exército Brasileiro (ESG). Pós-graduado em MBA de Planejamento Estratégico e Gestão Pública, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).
Calandrini foi oficial R2 do Exército Brasileiro pelo período de fevereiro de 1984 a agosto de 1989, no estado do Amapá. Foi comandante Geral da PM de fevereiro de 2007 a abril de 2010. Na atual gestão do GEA, Calandrini ocupou o cargo de secretário da Justiça e Segurança Pública janeiro de 2015 a novembro de 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!