Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura e política.

PUBLICIDADE

domingo, 7 de agosto de 2016

TURISMO | Curtir a vida em BALNEÁRIOS pelo Amapá!

Enquanto se discute a balneabilidade das águas do Rio Amazonas, no interior do estado, clubes e sítios fazem a festa dos veranistas.
As paisagens da natureza quase intocada do interior do Amapá são a aposta para empreendimentos que se multiplicam como opção de balneários para este verão.
Por Cleber Barbosa
Para a Revista Diário

O mês de julho é conhecido como o das férias escolares, estação do verão, alta temporada, enfim, o fato é que qualquer que seja a motivação, uma coisa se tem em comum: a vontade de tomar banho. São inúmeras as opções, a maioria de água doce, com exceção a praia do Goiabal, em Calçoene, a única acessível na Costa do Amapá. Mas na capital, Macapá, as famosas praias da Fazendinha e do Araxá continuam sendo o ‘point’, inclusive de programações oficiais como o Macapá Verão, só que autoridades ambientais fazem ressalvas em relação a qualidade das águas – principalmente pela pressão urbana, que produz índices de coliformes fecais preocupantes.
Então quem não viaja para fora do estado em julho tem como alternativas alguns cartões-postais do interior do Amapá, onde a balneabilidade é reconhecida e autorizada, como os balneários de Ferreira Gomes, Porto Grande, Pedra Branca do Amapari, Serra do Navio, entre outras localidades. Um desses exemplos é a chamada Região dos Lagos, onde está a comunidade do Aporema, que já possui instalações e pousadas rústicas, mas que atendem ao apelo de estar em contato com a exuberância da natureza quase intocada do estado.
Mas são os clubes e demais empreendimentos os que mais atendem a um verdadeiro nicho de mercado, com pousadas e chalés onde se dorme muito bem e se come melhor ainda. Em Serra do Navio, há ainda a Lagoa Azul, uma mina abandonada que por algum tempo se duvidava da qualidade de água, mas que já foi liberada e também é uma grande opção.

CURIOSIDADES
O verão chegou, junto com ele a oportunidade de aproveitar a estação do calor para tomar aquele gostoso banho no rio e nos balneários. Mas as pessoas precisam ficar atentas, afinal tomar um banho em águas com condições impróprias pode trazer muitas consequências desagradáveis e até graves. Os efeitos imediatos à saúde podem ser alergias, diarreias, vômitos, febres, dores de cabeça, infecções nas mucosas e nos olhos. Uma dica é ver as placas indicativas de banho liberado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!