Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura e política.

PUBLICIDADE

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Amapaenses vibram e se emocionam no desfile cívico-militar de 7 de Setembro

O patriotismo e a emoção tomaram conta do povo amapaense que lotou as arquibancadas do Sambódromo para assistir ao tradicional desfile cívico-militar de 7 de Setembro, Dia da Independência do Brasil. Pontualmente, às 7h30, a revista à tropa, realizada pelas autoridades militares e o secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública, Gastão Calandrini, que representou o governador do Amapá, Waldez Góes, anunciou o início das apresentações que atraíram cerca de 20 mil pessoas.
Organizado pelo Governo do Amapá, o desfile surpreendeu o público presente. Passaram pela Avenida Ivaldo Veras a Legião Estrangeira (França), Estado Maior Conjunto, Exército Brasileiro, Polícia Militar, Guarda Territorial, Corpo de Bombeiros, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Guarda Municipal, Maçonaria, Escoteiros, Bandeirantes, Desbravadores e Jeep Club. As corporações mostraram parte da logística empregada no Amapá e simulações das atuações na rotina de trabalho.
O destaque especial se deu às apresentações do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar, que, mais vez, tirou o fôlego do público presente. As apresentações das quatro companhias que compõem o Bope – Rotam, COE, Choque e Giro – demostraram ações táticas especiais, manobras ostensivas, tiros de festim e a tradicional pirâmide humana sobre motos, que exibiu as bandeiras do Brasil e do Amapá.
A adrenalina ficou ainda mais aguçada com a participação do Grupo Tático Aéreo (GTA). Os integrantes que sobrevoam diariamente a capital e outras cidades do Amapá, demonstraram simulações de resgate e salvamento. O helicóptero foi, sem dúvida, a grande atração deste ano.
“Foi incrível. O helicóptero chegou bem perto da gente. Fiquei impressionado como eles são preparados”, falou Pedro Torres, de apenas 9 anos.
Os projetos sociais também são muitos admirados pela população. Afinal, ajudam na redução da violência no Estado e tornam nossas crianças e jovens cidadãos comprometidos. Cerca de 800 crianças e jovens desfilaram pelos projetos Cidadão Mirim, Peixinhos Voadores, Bombeiro Mirim Músico e outros.
Os 194 anos de soberania brasileira foram comemorados no Amapá com um grande evento que demostrou o respeito e civismo do povo amapaense, que encerrou sem nenhuma ocorrência. “A emoção externada pelo povo representa o orgulho que temos do nosso estado e país. É muito gratificante poder integrar este momento e fazer parte da história do Brasil”, disse o secretário de Segurança Pública, Gastão Calandrini.
Independência do Brasil
A Independência do Brasil marca o fim do domínio português e a conquista da autonomia política brasileira. Os livros oficiais de história contam que o ato ocorreu próximo ao Riacho do Ipiranga, no dia 7 de setembro de 1822, durante o famoso grito de Dom Pedro I: “Independência ou Morte!”
Fotos: Secom/GEA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!