Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura e política.

PUBLICIDADE

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Notas da coluna ARGUMENTOS, sexta-feira, 31 de março de 2017.


Desigual
O ministro Sarney Filho cumpriu agenda ontem em Macapá e deixou excelentes impressões. Disse que quer editar uma nova ordem em relação ao desmatamento. “Antes quem mais derrubava era mais ajudado; não é justo, pois o Amapá sempre fez sua parte”, disse.

De fato
Mas o ministro não ficou só nos discurso. Veio com todo o staff de sua pasta e com recursos federais para serem acessados pelo estado, que precisa ser compensado pelos serviços ambientais ao país e ao globo.

Parque
A agenda de trabalho do ministro incluiu abrir um inédito diálogo sobre as tais compensações ao Amapá pela criação do Parque Nacional Montanhas do Tumucumaque. Vem a regulamentação dessas medidas.

Legenda
Em tempos de completa infidelidade partidária, aliás, mais que isso, não se fala sequer em ideologia partidária, Sarney Filho vai na contramão. Está a décadas no PV, o Partido Verde, onde mantém forte liderança.

A volta
Nos anos 90, quando teve sua primeira passagem pelo Ministério do Meio Ambiente, Sarney Filho também veio ao Amapá. Foi para acompanhar a paralização das atividades da mineradora Icomi S.A.

Empatia
O governador Waldez quando recebia na pista do aeroporto de Macapá o ministro Sarney Filho. Aliás, falando aos jornalistas, ‘Zequinha’ disse ter no Amapá o segundo estado de sua predileção. “Por motivos óbvios”, disse ele, claro, referindo-se ao pai famoso que marcou época na política local.

‘Front’
O Exército Brasileiro abriu ontem em Macapá uma segunda experiência de formar correspondentes de guerra, reunindo acadêmicos e também jornalistas profissionais. Trata-se de um rigoroso treinamento que envolve atuar em ambiente semelhante a de um combate real. O estágio se chama ECAM.

Formados
A sigla em questão significa “Estágio de Correspondente de Assuntos Militares” e teve sua primeira edição no final de 2015, quando aproximadamente 30 profissionais e estudantes de jornalismo foram capacitados. Aliás, aquela primeira turma faz planos para cobrir uma missão real em Porto Príncipe, no Haiti.

Vagas
A Unifap divulga edital para candidatos interessados em cursar disciplinas como alunos especiais ou externos do Programa de Pós-Graduação em Estudos de Fronteira (PPGEF). As inscrições estão abertas e seguem até o dia 7 de abril, por meio do e-mail ppgef@unifap.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!